sexta-feira, 27 de maio de 2016

Nigéria: filha de pastor sequestrada pelo Boko Haram é resgatada



De acordo com informações da BBC News, esta semana o exército nigeriano conseguiu resgatar mais uma das estudantes que foram sequestradas em abril de 2014. Serah Luka estava entre um grupo de 97 mulheres e crianças que foram resgatadas pelos soldados do nordeste do país. Embora tenha havido algumas controvérsias porque o nome da garota não estava na “lista de desaparecidos”, conforme o porta-voz dos “pais das meninas do Chibok”, já foi confirmado que ela era o número 157 de outra lista e que possivelmente seja a filha do líder cristão Luka.

Segundo matéria do ministério Portas Abertas, “a confusão da identidade da menina será desfeita assim que houver uma confirmação por parte dos pais, que estão espalhados pelo Chibok, e muitos vivem em áreas remotas”, disse o editor da ‘BBC’, Hausa Mansur Liman. Além disso, ele comentou que nem todos possuem acesso à internet, daí a dificuldade da comunicação. Mas o que realmente importa é que houve mais um resgate. O grupo militante islâmico Boko Haram já raptou muitas outras jovens nos últimos anos, conforme estimativas de diversas associações de direitos humanos.

Amina Ali Darsha Nkek, a primeira estudante que foi resgatada no dia 17 de maio, disse que pelo menos seis das meninas sequestradas já morreram e que as demais estão vivendo na floresta Sambisa, local onde ela foi encontrada.

Até o momento, sabe-se que Amina foi levada até o presidente Buhari, de acordo com informações do ‘O Globo’, que se mostrou muito feliz pelo seu retorno, motivo que fez crescer a esperança no país de que ela possa dar importantes pistas sobre as demais reféns. Sobre o paradeiro de Serah Luka, a segunda estudante resgatada, a Portas Abertas está aguardando por mais informações.

Fonte:Verdade Gospel